Aldeia Umutina, em Barra do Bugres, prepara Dia das Crianças; Assembleia Social repassa brinquedos e ingredientes para bolo

Foto: KAREN MALAGOLI / ALMT

Foto: KAREN MALAGOLI / ALMT

Toda criança merece comemoração nesta semana, não é mesmo? Não seria diferente para os 96 pequenos indígenas da Aldeia Umutina, de Barra do Bugres (170km de Cuiabá). E criança gosta mesmo é de brinquedo!

A Assembleia Social atendeu um pedido da Escola Estadual de Educação Indígena Jula Paré, encaminhado pelo gabinete do deputado estadual Carlos Avallone (PSDB), e levou na terça-feira (8) à aldeia 100 brinquedos e ingredientes não perecíveis para o preparo do bolo da festividade programada para amanhã (10).

A diretora da Assembleia Social, Daniella Paula Oliveira, aproveitou a oportunidade para levantar demandas da etnia indígena, buscar informações, com foco em proposições de políticas públicas. “Nosso objetivo é, cada vez, descentralizar os serviços prestados pela Assembleia Social, chegar a cada canto de Mato Grosso, atingir, de fato os mato-grossenses em toda sua pluralidade e, mais do que desenvolver ações pontuais, pensarmos juntos políticas públicas”, declarou a diretora.

Para chegar à aldeia, foi necessário percorrer mais de 170km de carro, atravessar de balsa um braço do rio Paraguai e caminhar por pouco mais de 1,5 quilômetro.

A festinha será realizada em data a ser remarcada, pois as atividades da escola foram suspensas em respeito à cultura de luto do povo umutina, que recentemente perdeu um de seus anciões. Mas, para a criançada, não há cerimônia para pular nas águas e se divertir, quando “devolveram” a equipe à margem do rio, para retornar a Cuiabá.

Além da equipe da Assembleia Social, participou da comitiva a assessora parlamentar do deputado Carlos Avallone, Cristiane Ribeiro de Oliveira, representando o gabinete que recebera a demanda da escola indígena.

Fonte: ALMT
Comentários Facebook