Projeto quer implantar programa de vereadores mirins em Tangará da Serra


A Câmara Municipal de Tangará da Serra passa a analisar na sessão ordinária dessa terça-feira, 04, um projeto de lei que institui o programa “Parlamento Mirim”, onde estudantes de escolas tangaraenses conheçam e até desempenhem papel similar a dos vereadores. A proposta é de autoria do vereador Professor Sebastian (PSB).

De acordo com o texto, o Programa, criado com base em projetos existentes em Rondonópolis (MT) e Maringá (PR), será implantado mediante livre adesão das escolas e abrangerá alunas e alunos do 9º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio.

Os objetivos são: proporcionar às alunas e alunos a obtenção de informações nas escolas sobre projetos, leis e atividades gerais realizadas pela Câmara, possibilitar que estudantes tenham acesso e conhecimento sobre as propostas apresentadas, estimular atividades de discussão e reflexão sobre as demandas que mais afetam a população e realizar sessão única na Câmara Municipal onde os vereadores e vereadoras mirins poderão apresentar sugestões.

“O presente Projeto de Lei propõe aos jovens estudantes um exercício de cidadania e prevê que os jovens cidadãos cumpram seus deveres e exerçam seus direitos. É necessário que sejam pessoas integradas na sociedade: debatendo não apenas pela internet, mas dialogando com os amigos, em casa, com os familiares, enfim, debatendo o futuro da política do país”, justifica o autor do projeto.

“O objetivo maior deste Projeto é encaminhar os Vereadores Mirins para que sejam cidadãos tangaraenses, de fato, preocupados com o futuro da nossa cidade. Por meio do diálogo e incentivo à participação política poderemos, no presente, projetar um futuro melhor para Tangará da Serra”, completa o vereador.

Comentários Facebook