Vanderlan lamenta demissões em mineradora de Minaçu, em Goiás


O senador Vanderlan Cardoso (PP-GO) lamentou nesta segunda-feira (3), em Plenário, a demissão de todos os funcionários da mineradora Sama, que produz amianto, em Minaçu. Segundo o parlamentar, a medida foi motivada por decisão judicial, baseada em estudo científico que concluiu que a matéria prima é prejudicial à saúde dos trabalhadores.

Na opinião do senador, essas questões judiciais envolvendo empresas devem ser analisadas com cautela, para assegurar que os empregos sejam preservados. Segundo Vanderlan, a ação prejudicou principalmente o município, que vivia em torno da atividade mineradora.

— Nos Estados Unidos e em países desenvolvidos, quando uma empresa faz o que essas empresas fizeram, os donos dessas empresas vão para a cadeia. Vão pagar, como aconteceu com a OAS, Odebrecht e tantas outras. Mas as empresas e os empregos são sagrados — disse.

Comentários Facebook