Sommavilla se afasta do rádio e TV e deverá pleitear vaga na Câmara de Tangará da Serra

Sommavilla foi presidente da Câmara em 2016 (Imagem: Arquivo)

O radialista e apresentador de TV Sílvio Sommavilla se afastou da Rádio Serra FM e da Rede TV nesta segunda-feira, 29. Ele pretende disputar uma das 14 vagas de vereador na Câmara Municipal de Tangará da Serra.

Ex-vereador (2013/2016), Sommavilla está filiado ao PDT, partido do vice-governador Otaviano Pivetta. Ele se despediu do rádio e da TV respeitando a legislação eleitoral vigente.

Conhecido pela sua atuação incisiva quando esteve como vereador, Sommavilla explica que pretende defender as bandeiras que defendeu no passada: fiscalização responsável e independente. “Prestar serviços à população e não a gestão, devolver o poder legislativo para o povo, ter posicionamento firme, o que foi bom pro povo sim – o resto não”, defende.

Foi com essa toada que Sommavilla foi eleito em 2012 pelo PV após receber 1289 votos, segundo vereador mais votado da época. Em 2016 ele foi eleito presidente da Câmara Municipal, mesmo ano em que mudou para o PDT e decidiu disputar o cargo de prefeito, ficando na quarta colocação.

Autor de várias leis entre 2013 e 2016, Sommavilla afirma que muitas delas, de suma importância para a comunidade, ficaram apenas no papel, pois não foram executados pelo Executivo Municipal. Ele cita como exemplos os pagamentos por serviços ambientais (PSA,) a colocação de lixeiras em todos imóveis, a adoção de nascentes, a doação de remédios não vencidos e em desuso.

O agora pré-candidato a vereador afirma que assim que for autorizado pela legislação eleitoral irá apresentar 12 propostas para iniciar a discussão com a comunidade.

Comentários Facebook