Stopa participa do seminário Virada Feminina e destaca fortalecimento das ações do Município em prol das mulheres



Luiz Alves

Clique para ampliar

Durante o seminário coordenado pela Virada Feminina de Mato Grosso, o prefeito em exercício José Roberto Stopa garantiu que, entre outubro e dezembro de 2022, a Prefeitura de Cuiabá entregará aos cuiabanos a Casa da Mulher Brasileira. No evento, ele pontou ainda que o Município vem fortalecendo as políticas públicas votadas para as mulheres. 

“É com todo carinho que a Prefeitura de Cuiabá irá construir essa estrutura. Quero, de forma antecipada, convidar todas essas mulheres presentes na Virada Feminina ajudar o Município a implementar políticas públicas eficazes e entregar para as mulheres cuiabanas um local onde todas receberão amor, carinho e atenção”, afirma.

De acordo com a coordenadora do evento, a juíza Amini Haddad Campos, este é o momento ideal para tratar de assuntos pertinentes as pautas de equidade. Ela reforçou que o seminário também foi palco do lançamento da Campanha 16+5 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher.

“Na qualidade de coordenadora deste seminário, é uma alegria somar voz com a presidente Regional da Virada Feminina MT, Cely Almeida. De igual forma agradeço todos os parceiros por esta realização em Mato Grosso”, salientou Amini.

Para a secretária municipal da Mulher, Luciana Zamproni, fazer parte de um seminário de tamanha expressão é mostrar a importância que a gestão dá em relação às pautas que envolvem mulheres.

“Trabalhamos diariamente na luta pelo empoderamento da mulher e quero dizer que nossa gestão atua de forma orgânica na defesa permanente delas. Estamos todas juntas, principalmente neste momento em que não podemos deixar passar nenhum retrocesso para as mulheres em nosso país. Avançamos, mas precisamos avançar mais. Temos que chegar a um ponto em que poderemos dizer que aqui, no Brasil, em Mato Grosso, em Cuiabá, a mulher não morre mais por violência, ganha igual aos homens, e tem seu lugar no Parlamento”, enfatizou.

A presidente do Instituto Virada Feminina de Mato Grosso, Celly Almeida, explicou que o evento tem como objetivo realizar ações, convocando Poderes e Instituições, públicas e privadas, para promoção de ações que resultem em políticas públicas de igualdade de gênero, raça, cidadania e empoderamento da mulher.

“Agradeço a todos que colaboraram para que este encontro fosse realizado na nossa capital. Em e especial, estendo esse agradecimento ao prefeito em exercício Stopa e sua esposa Marialice Mundim, que sempre nos apoiaram, estiveram presentes, e foram homenageados”, disse Celly.

Participaram do 2º Seminário da Virada Feminina de Mato Grosso importantes personalidades como a ativista de direito das mulheres e embaixadora nacional da Virada, Luiza Brunet, a Dra. Maria Esther Martinez Quintero, da Universidade de Salamanca/Espanha, a desembargadora Maria Erotides Kneip Baranjak, a presidente da Virada Feminina Nacional, Marta Livia Suplicy, e o presidente da Associação Mato-grossense do Municipios, Neurilan Fraga.

Comentários Facebook