Hospital Municipal de Cuiabá completa dois anos de funcionamento da ala de urgência e emergência com mais de 65 mil atendimentos



Luiz Alves/Secom

Clique para ampliar

Há dois anos o Hospital Municipal de Cuiabá – Dr. Leoni Palma de Carvalho passou a funcionar com 100% de sua operação na capital, com a abertura dos atendimentos de urgência e emergência. O Novo Pronto Socorro, como ficou conhecido pelos cuiabanos, é a maior obra em saúde pública que Mato Grosso já recebeu e era um sonho antigo de toda a população.

No dia 18 de novembro de 2019 foi entregue a última etapa do HMC, que consistia na abertura da urgência e emergência do hospital, com 06 salas cirúrgicas, Central de Material e Esterilização-CME e 12 leitos de recuperação pós-anestésicos. O hospital passou a contar também com um heliponto, que possibilita maior agilidade na condução de pacientes em estado grave para o hospital, bem como mais rapidez e segurança para o transporte de órgãos para transplantes, o que significa mais chances de salvar vidas.

Nestes dois anos de funcionamento do Novo Pronto Socorro foram realizados 65.714 atendimentos de urgência/emergência, recebendo pacientes de todo o estado de Mato Grosso, de outros estados e até mesmo de outros países. Desde que o HMC passou a funcionar com 100% de sua capacidade, foram realizados 49.408 atendimentos ambulatoriais, 33.296 internações adultas, 1.427 internações pediátricas e 752 internações no Centro de Tratamento de Queimados – CTQ. A unidade hospitalar também conta com o Espaço de Acolhimento da Mulher Vítima de Violência, que já realizou 454 acolhimentos às mulheres e seus filhos.

O programa Rede SOS AVC, que passou a funcionar no HMC neste ano, é um dos destaques entre os serviços oferecidos do hospital. O atendimento dentro do prazo correto, diminui em até 92% o risco de sequelas e morte dos pacientes. Só em 2021 mais de 350 pessoas foram salvas pelo atendimento do SOS AVC.

Para o diretor geral da Empresa Cuiabana de Saúde Pública – ECSP, Paulo Rós, a importância do Hospital Municipal de Cuiabá é indiscutível para Mato Grosso. “Durante muito tempo a população cuiabana e do interior do estado foi atendida no antigo Pronto Socorro, que é um prédio já bastante antigo e que já não comportava mais a demanda diária. Com essa nova estrutura, com certeza podemos entregar ao usuário SUS um atendimento mais eficiente, resolutivo e acima de tudo, humanizado. Importante destacar o excelente trabalho realizado por todos os profissionais que diariamente trabalham no HMC para que essa engrenagem funcione corretamente. O sucesso do HMC é fruto da dedicação de cada um dos servidores”, concluiu o diretor.

 

Comentários Facebook