Em busca de alinhamento político com Mauro Mendes, Vander filia ao União Brasil


O prefeito de Tangará da Serra, Vander Masson, deixou o PSDB, partido pelo qual se elegeu em 2020 e era, até ontem, uma das figuras mais tradicionais da agremiação. No ninho tucano, Vander disputou a prefeitura em 2016, a Câmara Federal em 2018 e venceu o pleito municipal em 2020.

A migração para o União Brasil ocorreu após convite do governador Mauro Mendes e surge no horizonte como a formalização de um alinhamento político que tem sido costurado desde o início de sua gestão em Tangará.

Mendes deverá disputar a reeleição e em busca de fortalecer seu palanque, promoveu na segunda-feira, 30, um ato de filiação em Cuiabá. Prefeitos e políticos tradicionais do Estado migraram para a legenda recém criada após a fusão de Democratas e PSL.

“Estamos acompanhando a evolução do governo Mauro Mendes, da seriedade e empenho. Ao receber o convite do governador no final do ano passado, pensei, conversei com a nossa base, com os nossos companheiros, e decidi me filiar ao União Brasil para fortalecer esse partido”, afirmou Masson.

Pré-candidaturas a Estadual e Federal

Em Tangará da Serra o União Brasil já confirmou as pré-candidaturas de Rogério Silva a Deputado Estadual e Wagner Ramos a Deputado Federal.

Comentários Facebook