Junina Os de Fora voa alto pelos quatro cantos de Mato Grosso


O grupo de quadrilhas juninas Os de Fora, de Tangará da Serra, está alçando voos cada vez mais altos. Com agenda lotada para os meses de junho e julho, o grupo se prepara diariamente para se apresentar e fazer bonito por onde passar. Depois de se apresentar no Arraiá La Comuna, em 04/06, no Arraiá da Serra em 09/06, e de vencer a etapa regional do Festrilha – Festival de Quadrilhas Juninas de Mato Grosso, no dia 11/06, o grupo cumprirá vasta agenda de apresentações em várias cidades do estado, com o espetáculo “A flor que anuncia chuva num sertão chamado Brasil”.

“Nosso mês de junho e julho está bem movimentado, nossos finais de semana já estão todos comprometidos”, comenta Leidy Anne da Silva Pohu, presidente do grupo. “Isso deixa o grupo animado, depois de tanto tempo parados poder voltar a fazer o que gostamos, que é dançar e levar alegria para o público”,disse. Na 1ª etapa do Festrilha o grupo concorreu contra 5 quadrilhas de outros municípios e venceu como melhor Junina e melhor casal de Noivos e de Reis.

APRESENTAÇÕES – A agenda junho começa neste sábado (18), quando o grupo viaja para Nortelândia, onde apresentará o espetáculo “A flor que anuncia chuva num sertão chamado Brasil” no evento Forró na Praia, um dos principais da região. No dia 24/06 (sexta), a trupe viaja para Cuiabá, onde se apresentará na Festa Junina São João dos Bão, na AABB da capital. Já em 25/06 a apresentação será no Arraiá de Campo Verde (no sul do estado).

A agenda segue intensa no mês de julho, com apresentação no dia 01/07 no Arraiá de Barra do Bugres, nos dias 08 e 09 no Arraiá da Paróquia Santa Terezinha, na Vila Alta, em Tangará da Serra. Também estão previstas apresentações entre 21 e 23 de julho na grande final do Festrilha, que ocorrerá na cidade de Nova Xavantina (MT).

HISTÓRIA – Ao logo de 16 anos de existência já passaram pelo grupo mais mil integrantes, sendo adultos e principalmente jovens e adolescentes. “O trabalho é voluntário e de extrema importância para todos nós, pois além de fomentar a cultura local e regional conseguimos tirar sorrisos e encantar o público. Não há dinheiro que pague o sentimento de felicidade de poder olhar para as pessoas sorrindo e ver em seus olhos um brilho de esperança”, conta o dançarino e coordenador do ODF, Wellington Lourenço.

RESPONSABILIDADE SOCIAL – Para Mary Costa, colaboradora do grupo, o “Os de Fora” proporciona diversão com responsabilidade social e cultural, pois ao mesmo tempo que contribui com o aprimoramento das habilidades e potencialidades dos seus integrantes e sua relação com o mundo, valoriza e fomenta o desenvolvimento de ações socioculturais como estratégia de convivência e fortalecimento de vínculos, enquanto garante um direito fundamental que é o acesso a cultura. “Oportunizar que estes adolescentes circulem o estado através da quadrilha, fortalece ainda mais esta manifestação artística que tem presença marcante na cultura popular brasileira representando um veículo privilegiado de expressão de sentimento e comunicação social”, disse.

NOVOS VOOS – A presidente do grupo, Leidy Pohu, destaca ainda que o Os de Fora continuará voando, vislumbrando cada vez mais espaço, levando alegria e diversão para cada vez mais pessoas. “Ver que todo nosso esforço está valendo a pena é maravilhoso. Continuamos com nossos ensaios, pois estamos com grandes expectativas pra grande final em Nova Xavantina, estamos correndo atrás de recursos financeiros, pra podermos participar, representando nossa cidade na final, pois o Os de Fora é um grupo sem fins lucrativos, nos mantemos com ajuda de apoiadores”, finalizou.

CONTATO – A agenda do grupo segue aberta para os meses de julho e agosto. Interessados devem manter contato através do número: (65) 99993-2724. O interessado também pode obter mais informações do grupo nas redes sociais Facebook e Instagram, pesquisando por Grupo Os de Fora.

Comentários Facebook